Twittories, Microblogging…

20/12/2007

O Twittories, um novo site baseado no serviço de microblogs Twitter, propõe aos seus participantes a criação de contos colaborativos.

A idéia veio de Cameron Reilly, CEO da Podcast Network, baseado em experiências com sua esposa, quando ambos se juntavam para contar histórias para os filhos, cada um criando uma parte da narrativa. Agora, a brincadeira ganhou forma online com a funcionalidade do Twitter, explorando uma nova abordagem para os microdiários online.

Segundo o site TechCrunch, cada conto permitirá a participação de 140 participantes que colaborarão, cada um, com uma entrada de texto de até 140 caracteres, limite máximo imposto para os “posts” do Twitter.

A primeira “Twittory”, chamada “The Darkness Inside”, já teve sua lista de participantes definida e, no fechamento desta nota, caminhava para seu 31º trecho escrito. O registro para a segunda história possui apenas 14 registros, e aguarda os novos participantes, que necessariamente devem escrever em inglês.

Para manter o fluxo e gerar os contos de aproximadamente 19.600 caracteres, a regra do Twittories é que um novo trecho deve ser inserido, na ordem de registro, a cada 12 horas. Se o autor inscrito esquecer do prazo, será passado para último lugar da fila, com o desafio de fechar o enredo.

Para Cameron, este não é um grande passo na evolução do desenvolvimento de ficções, mas sim um experimento interessante em unir pessoas via Twitter. Recentemente, um estudo revelou que no Japão metade dos dez livros mais vendidos foram escritos em celulares.

Interessados em conhecer o Twittories, ler os contos ou se cadastrar para a segunda história, podem fazê-lo no endereço http://twittories.wikispaces.com/

Sérgio Amadeu, na Revista ARede, nos ajuda a compreender melhor esse universo:

Microblog ou nanoblog é definido como um pequeno espaço para publicação de breves textos, algo entre 140 e 200 caracteres. Em geral, são escritos para serem vistos por um grupo mais restrito de conhecidos, definidos pelos nanoblogueiros, mas esta prática está em mutação. Os textos curtos podem ser postados por celulares, SMS, mensageiros instântaneos, e-mails ou pela web. Em 2006, surgiu o repositório de microblogs mais popular, chamado Twitter. Em 2007, Twitter venceu a Web Award na categoria blog. O microblog faz parte das denominadas redes sociais.

As ferramentas de microblogging estão sendo usadas para a cobertura de fatos e eventos em tempo real, sejam acidentes, shows, jogos, sejam conferências, palestras ou debates. Pela facilidade de postagem e pela velocidade de comunicação, os nanoblogs podem gerar novos formatos de notícias e assumir uma grande importância em um cenário de convergência digital e mobilidade. A integração das imagens com os nanoblogs é uma questão de tempo. As aplicações já estão sendo construídas.

Anúncios

2 Respostas to “Twittories, Microblogging…”

  1. stepaola Says:

    lembra q eu comentei com vc sobre isso?

    t falá viu, esse insconsciente coletivo…. hehe


  2. […] hoje, via Bazar21, um projeto que tem como proposta a construção coletiva de histórias via twitter. É o […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: